Paulo Camelo

Poesia é sentimento. O resto é momento.

Textos
Título Categoria Data Leituras
A parada Contos 04/11/11 22
Acostumado com o dedo Contos 14/01/14 16
As torres Contos 28/05/13 29
Asa, pra que te quero? Contos 16/07/13 22
Dois tiros e uma carreira Contos 20/07/13 198
Estranho justiceiro Contos 28/05/13 22
Fala baixo! Contos 25/12/13 23
Fôlego de gato Contos 14/01/14 43
Gatuno trapalhão Contos 04/11/11 39
Leitura estranha Contos 23/07/07 247
Namorada virtual Contos 28/05/13 36
O planeta dos três sóis Contos 07/07/13 22
Onde anda você? Contos 02/11/13 44
Os ovos Contos 14/01/14 67
Que lugar é esse? Contos 28/03/05 292
Quod mali perituri Contos › Ficção Científica 22/03/21 39
Rua Xisto Gadelha Contos 17/07/13 57
Segure as pernas Contos 31/08/13 25
Sonho solitário Contos 06/01/10 137
Tem mais velha? Contos 14/01/14 47
Página 1 de 2 1 2 próxima»
Site do Escritor criado por Recanto das Letras