Paulo Camelo

Poesia é sentimento. O resto é momento.

Textos
Título Categoria Data Leituras
Um beijo nos pés Crônicas 07/05/05 1156
Trabalha, Adão Cordel 30/03/05 1142
Edmir Domingues Biografias 10/04/05 1108
Perdão Poesias 01/08/06 995
Nem te conto Artigos › Literatura 11/04/05 869
Meu pai Crônicas 13/04/05 764
Som de flauta doce Poesias 31/03/05 734
Por que por trás? - teoria Gramática e Ortografia 01/10/05 584
Soneto monossilábico I Sonetos 01/04/05 557
Como as ondas do mar Poesias 28/11/07 554
Limerickanivete Poesias 17/04/05 493
Sem pé nem cabeça Poesias 05/04/05 442
O baobá Crônicas 05/06/11 432
Desculpas Sonetos 01/04/05 405
Eu te amo de uma forma torta Sonetos 05/04/05 393
Vem Letras de Música 02/05/05 375
E agora, poesia? Crônicas 05/04/05 373
A arte é fácil? Crônicas 18/05/06 354
Waldemar Lopes Biografias 16/09/08 343
Meu par Letras de Música 04/08/06 340
Página 2 de 47 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » «anterior próxima»
Site do Escritor criado por Recanto das Letras